Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player


Acessos -
Deprecated: mysql_connect(): The mysql extension is deprecated and will be removed in the future: use mysqli or PDO instead in /home/jornalpr/public_html/Connections/dbgeral_gersite.php on line 5
161934


Clique aqui para acessar


FACEBOOK

*JORGE DA SILVA SILVA
http://www.facebook.com/PrJorgeSilva

*MÁRIKA SOARES COSTA
http://www.facebook.com/MARIKASOARESCOSTA


Clique aqui e confira as fotos



CLIQUE AQUI E CONFIRA AS FOTOS



CLIQUE AQUI E CONFIRA AS FOTOS


Clique aqui e confira as fotos


Clique aqui e confira as fotos


Clique aqui e confira as fotos


Clique aqui e confira as fotos


Clique aqui e confira as fotos

Clique aqui e confira as fotos


Clique aqui e confira as fotos


 

Boa Tarde! Hoje é: 23/10/2018
Artigos

Deprecated: mysql_connect(): The mysql extension is deprecated and will be removed in the future: use mysqli or PDO instead in /home/jornalpr/public_html/Connections/dbgeral_gersite.php on line 5

Não creio no deus da religião

Rubem Alves diz que "Deus criou o Universo inteiro só para nele plantar um jardim". Deus sempre gostou de jardim. Sempre gostou de frutas. Observe demoradamente uma maçã, uma banana, um cacho de uvas, o vermelho delicado de um caqui, ou mesmo a complexidade majestosa de um abacaxi. Deus criou a arte das frutas. Você já parou para observar uma cebola? Plablo Neruda chegou a escrever um poema sobre ela: "rosa de água com escamas de cristal...”

                Gosto de imaginar Deus sem as roupagens da religião. Deus apenas Deus. Sem cetros e coroas. Sem os relatórios tristes das divindades carrancudas. Deus menino. Como Alberto Caeiro, no "Guardador de rebanhos": "Num meio-dia de fim de primavera/Tive um sonho como uma fotografia/Vi Jesus Cristo descer à terra/Veio pela encosta de um monte/Tornado outra vez menino/A correr e a rolar-se pela erva/E a arrancar flores para as deitar fora/E a rir de modo a ouvir-se de longe".

                Gosto de pensar no Deus que se alegra em minha alegria, não apenas no que dói em mim. Um Deus que ama ver minha paz. Não quero oferecer-lhe apenas sacrifícios, mas também meu sacro-ofício. Não somente lágrimas, como se em seu ambiente só existisse o cinza da tempestade, mas sim a minha gargalhada, para que em sua celestialidade feliz, eu também contribua um pouco.

                Cada vez mais acredito menos no deus mesquinho das religiões. Esse "deus" que ama o sangue inocente das guerras. Que ama o martírio dos pobres nas filas injustas do país do jeitinho, um país onde poucos possuem milhões, mas milhares vivem de migalhas. Esse não é o Deus que conheço. O Deus do qual escrevo nessas linhas é aquele que passou seis dias criando e, resolveu parar, admirar e descansar - criança/artista que depois de brincar, deita e dorme o sono dos livres.

                A religião tem um deus tão monstruoso que essas imagens que uso: criança, poeta, artista, acabam por suscitar a ira dos talibãs. Seu deus nada tem de alegre. É um monstro, feio, desagradável, tirano, vingativo, medíocre, lento para o bem. Esse não pode ser o Deus que as Escrituras fotografaram: o Deus andarilho que desceu só para que eu pudesse subir - e não apenas para essa coisa/outra chamada céu, mas para tudo que envolve a liberdade. Subo sempre que desço como ele fez.

                Quero amar o Deus que é. Ele é livre dos complexos de ditador. Ele não tem poder sem amor - isso é possessão - tem poder e amor, muito mais amor que o poder que usa. Por isso tem também meu coração.

                A ELE...

                Até mais...

                Alan Brizotti

 
PASTOR ALAN BRIZOTTI

Sobre o autor: O Pastor Alan Brizotti é um amante das artes, filosofia, poesia e teologia. Pesquisador e escritor. Membro da Assembléia de Deus - Sede - Campo Campinas - Goiânia/Go.

Contatos:

alanbrizotti@hotmail.com / alanbrizotti.blogspot.com

 

Retornar 
Copyright @ 2008 - Todos os direitos reservados.